joão oliveira

1989, salvador, brasil

mora e trabalha em salvador, brasil

artista visual graduado em artes visuais pela eba-ufba (2011), onde também fez mestrado em processos criativos (2017). estudou gravura em metal nos cursos regulares das oficinas do mam-ba (2013). micronarrativas, farsa, fracasso, relações afetivas, são alguns dos interesses de sua pesquisa. suas exposições selecionadas incluem circuito das artes, galeria do conselho, salvador, ba (2012); xiª bienal do recôncavo, são félix, ba (2012); tomar coca-cola com você, galeria acbeu, salvador, ba (2013); esquizópolis, museu de arte moderna da bahia, salvador, ba (2013); como refazer o mundo, luiz fernando landeiro arte contemporânea, salvador, ba (2014); prêmio gravura eav, eav parque lage, rio de janeiro, rj (2014); duas edições do salão de abril, fortaleza, ce (2014-15); e cinco edições dos salões de artes visuais da bahia, ba (2012-13-14), onde recebeu menções especiais e prêmio. outras realizações incluem  arte londrina 4, londrina, pr (2016); paisagem intermitente, ocupação coaty, salvador, ba (2016); a individual último ato de orgulho, galeria rv cultura e arte, salvador, ba (2016); panapaná, galeria de arte archidy picado, joão pessoa, pb (2018); concerto para pássaros, goethe institut, salvador, ba (2019); animal tactics, goldfinch gallery, chicago, il (2019); a individual pequenos divertimentos: eu vou te amar, abraçar, apertar, até você ficar em pedacinhos, mouraria 53, salvador, ba (2019); as residências cambio 14, no museo universitario del chopo, méxico, d.f. (2014); prêmio gravura eav parque lage + mul.ti.plo espaço arte, rj (2014), no qual foi premiado com uma residência na scuola internazionale di grafica di venezia, veneza, it (2014); close to there / perto de lá, chicago, il / salvador, br (2019) e spudnik press, chicago, il (2019). recentemente lançou o livro como se escreve um bicho (2020), em parceria com a designer kaula cordier. sua obra faz parte de coleções como acbeu, ba, e parque lage, rj.